Notícias

notícias

Notícia

Imposto de Renda

Mais de 29 milhões de declarações do IRPF 2018 foram entregues no prazo

Foram 29.269.987 declarações recebidas pela equipe do Serpro para a Receita Federal
IRPF 2018
por Comunicação Institucional do Serpro — 02 de maio de 2018

Às 23h59m59s, do dia 30 de abril, foi encerrado o prazo de envio da Declaração de Imposto de Renda das Pessoas Físicas 2018. Nesse momento, foram contabilizados pela Receita Federal as entregas de 29.269.987 declarações, sendo 317.920 enviadas por dispositivos móveis.

O prazo para a entrega começou no dia 1º de março e, segundo a Receita, mais contribuintes decidiram entregar a declaração dentro do prazo.

Na coletiva de imprensa realizada às 18 horas, do dia 30 de abril, o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, destacou que a entrega das declarações ao longo de março e abril transcorreu bem, mesmo diante da intensificação do ritmo de entregas. Até esse horário, o número de declarações era de 28.079.839. Rachid tinha como expectativa algo um pouco superior a 28,8 milhões de declarações.

"Ao todo, mais de 2,4 milhões de contribuintes deixaram para apresentar a declaração no último dia do prazo. Apesar de o número ser significativo, é menor do que no ano passado, quando 3,55 milhões de brasileiros prestaram as informações em 28 de abril, último dia do prazo de 2017. No ano passado, foram recebidas 28.524.560 declarações", relatou o secretário.

Coletiva Imprensa IRPF 2018

A diretora-presidente do Serpro, Glória Guimarães, destacou que a equipe da empresa comportou bem a alta demanda dos contribuintes. "Não houve nenhum incidente, encerramos mais um ano com total garantia de entrega. Temos acompanhado com bastante cuidado e, no ano passado, fizemos compra de infraestrutura", destacou. Segundo Glória, houve um pico de demanda dos servidores para transmitir as declarações no início do prazo, ainda em março. Mas o maior registro foi feito no dia 30, entre 16h30 e 17h, quando 75% dos servidores foram ocupados com entregas de declaração dos contribuintes.

Quem não entregou a declaração do IRPF 2018 dentro do prazo já estará sujeito a multa de 1% do imposto devido, limitada a 20%, ou ao mínimo de R$ 165,74.

Quem recebe restituição

Aqueles que enviaram a declaração no começo do prazo, sem erros, omissões ou inconsistências vão receber mais cedo as restituições do Imposto de Renda, caso tenham direitos a elas. Idosos, portadores de doença grave e deficientes físicos ou mentais têm prioridade.

O governo começará a restituir os contribuintes que não caíram em malha fina a partir de 15 junho. O pagamento acontece até 17 de dezembro.

Contato